May 28, 2019

Dia Mundial do Não Fumador devia ser Dia Mundial Sem Fumo

WNTD
 

As pessoas que fumam e não querem deixar de consumir tabaco e/ou nicotina merecem ter acesso a alternativas sem fumo menos prejudiciais

A Philip Morris International (PMI), de que a Tabaqueira é subsidiária em Portugal, assinala o Dia Mundial do Não Fumador com um apelo à comunidade legislativa e de saúde pública a nível global para que ponha de parte a ideologia e, com base nos avanços da tecnologia, da ciência e da inovação, contribua efetivamente para a obtenção de rápidos ganhos em saúde pública.

O Dia Mundial do Não Fumador tem por objetivo contribuir para melhorar a saúde pública, abordando os problemas graves relacionados com o consumo de tabaco. Não obstante, apesar dos riscos conhecidos, muitas pessoas continuam a fumar e irão continuar a fazê-lo no futuro próximo. De acordo com as previsões da Organização Mundial de Saúde (OMS), em 2025 continuarão a existir mais de mil milhões de fumadores em todo o mundo, praticamente tantos quanto os que existem atualmente. Embora a melhor opção seja deixar de fumar, muitas pessoas que fumam, não o fazem.

“Em finais de 1990, alguns dos críticos mais acérrimos da nossa empresa desafiaram-nos a produzir produtos sem fumo, menos prejudiciais. Nós ouvimos e aceitámos o desafio,” afirmou Jacek Olczak, Chefe Responsável pelas Operações da PMI. “Recorremos à contribuição de centenas de cientistas, efetuámos milhares de testes e investimos milhares de milhões de dólares para desenvolver produtos sem fumo, que não queimam tabaco e que os fumadores adultos podem passar a utilizar de forma definitiva sem regressar ao tabaco convencional”, acrescentou.

Estes produtos sem fumo contêm nicotina e não estão isentos de riscos. No entanto, a ciência demonstra que são uma escolha muito melhor do que continuar a fumar. A PMI partilha abertamente a sua ciência e os seus dados com as comunidades médica e científica e os governos de todo o mundo.

O recurso à ideologia nesta questão está a confundir os fumadores e todos aqueles que com eles se preocupam. Apesar de, atualmente, muitos governos e peritos em saúde apoiarem claramente a adoção de alternativas sem fumo para os fumadores adultos que, de outra forma, continuariam a fumar, outros preferem concentrar-se nas polémicas do passado. Este debate é estéril.

“Os adultos que fumam merecem ter acesso a alternativas sem fumo corroboradas por evidências científicas sólidas. Também merecem ter acesso a todas as informações atuais para poderem fazer as suas próprias escolhas,” afirmou Olczak. “Ao encorajarmos os homens e as mulheres que não deixam de fumar a substituírem por completo os cigarros por alternativas sem fumo, é possível que consigamos colocar um termo à realidade dos cigarros. É esse o futuro livre de fumo que queremos ajudar a construir. Simplificando: Chegou a hora de desfumar o mundo”, concluiu.

Saiba mais aqui sobre a iniciativa “Chegou a hora de desfumar”.

 

Philip Morris International: Quem somos

A Philip Morris International (PMI) está a liderar uma transformação na indústria do tabaco para criar um futuro livre de fumo e substituir os cigarros por produtos sem fumo em benefício de adultos que continuariam a fumar, da sociedade, da empresa e dos seus acionistas. A PMI é uma importante empresa internacional de tabaco dedicada ao fabrico e comercialização de cigarros, produtos sem fumo, e dispositivos eletrónicos e acessórios associados, e outros produtos que contêm nicotina em mercados fora dos EUA. A PMI está a construir um futuro numa nova categoria de produtos sem fumo, que embora não sejam isentos de risco, são uma escolha muito melhor do que continuar a fumar. Através de competências multidisciplinares no desenvolvimento de produtos, instalações de ponta e substanciação científica, a PMI procura garantir que os seus produtos sem fumo vão ao encontro das preferências dos consumidores adultos e de requisitos normativos rigorosos.

Consulte aqui a versão original deste comunicado.

 

 

 
share this story